Porto Elizabeth – África do Sul

Muitas vezes apenas ponto final ou inicial daqueles que querem fazer a Garden Route, Porto Elizabeth não recebe a atenção dos turistas como deveria, mas aqueles que tirarem pelo menos um dia do seu roteiro para explorá-la descobrirão uma cidade cheia de história, belas paisagens, limpa e organizada. E o melhor recheada de atrações gratuitas.

INFORMAÇÕES DE: Agosto de 2017.

ROTEIRO PARA: 1 dia.

TIPO DE VIAGEM: Mochilão de Férias África do Sul e Namíbia – Parte IV.

HOSPEDAGEM: Hostel Lungile Backpackers Lodge (R 150,00/dia – R$ 52,50).

Hostel localizado próximo a orla da cidade e a Boardwak. Fiquei em quarto compartilhado com 6 pessoas.

Procurando lugar para ficar? Aproveite e reserve sua hospedagem aqui no Booking.com com o Quero Mochilar, você não paga nada a mais por isso e ajuda a manter o blog no ar.

SOBRE PORTO ELIZABETH

Muitos não sabem, mas Porto Elizabeth é a segunda cidade mais antiga da África do Sul. Fundada no ano de 1820 por britânicos, esta é hoje a quinta maior cidade do país, com mais de 1 MM de habitantes. Seu surgimento se deu principalmente por causa de sua localização estratégica, às margens da Baía de Algoa, o que facilitava muito a vida naqueles tempos quando o acesso pelo mar era o principal meio de se chegar até o continente africano.

Hoje Poto Elizabeth ainda preserva muito o jeitão de uma cidade portuária, mas principalmente após a passagem da Copa do Mundo em 2010, vem se modernizando, e se preparando cada vez mais para receber turistas.

“Pii” – como é carinhosamente chamada – é muitas vezes pouco explorada pelos turistas, servindo apenas de ponto de partida ou final para aqueles que querem fazer a Garden Route, ou ainda conhecer os safaris nas proximidades, como o Addo Elephant Park e Schotia. Por tanto, não seja um destes visitantes e reserve pelo menos um dia para explorar a região de Nelson Mandela Bay, que tem várias praias, museus e um lugarzinho muito especial chamado Boardwalk que é um charme, principalmente durante a noite.

Então, bora ver o que podemos fazer em um dia por aqui?

13- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Como chegar?

Sendo uma das maiores cidades do país, Porto Elizabeth tem uma boa estrutura de acesso, com ótimas rodovias, ferrovia e um aeroporto. Por tanto chegar até aqui não será problema e vai depender do seu estilo de viagem.

Distância das principais cidades de onde vem os turistas:

  • Joanesburgo: 1.047 km.
  • Durban: 908 km.
  • Cidade do Cabo: 755 km.

Como podem ver a cidade está longe das outras principais cidades turísticas do país. No meu caso, como eu iria chegar de Durban, os ônibus só fazem a viagem durante o dia, eu não quis perder este tempo e preferi chegar de avião, assim teria o dia todo para conhecer Porto Elizabeth.

Quando ir?

Vamos começar lembrando que as estações do ano na África do Sul são as mesmas que no Brasil, ou seja, verão aqui, verão lá.

E não é só isso que é parecido. Durante o inverno os dias são mais secos e chove menos, sendo o período ideal para fazer safaris, quando os animais ficam mais expostos, pois o sol não esta pegando fogo e eles não precisam ficar escondidos nos arbustos, o que ocorre no verão. Os invernos durante a noite as temperaturas pode ser inferior a 10oC.

Já o verão é a época das chuvas e calor mais forte, mas mesmo nesta época a temperatura média da cidade fica em torno de 21oC. Vale lembrar que mesmo com tudo isso, Porto Elizabeth está entre as cidades mais ensolaradas do litoral do Cabo Oriental da África do Sul.

Para quem curte uma praia, a cidade tem águas consideradas quentes, com temperatura da água variando de 23 oC no verão (dezembro a março) e 19 oC no inverno (junho a agosto), sendo esta época de verão a alta temporada, quando os preços disparam.

A não ser que queira praia, Porto Elizabeth pode ser visitada o ano todo.

Consulte histórico e mais informações climáticas da cidade: Aqui. 

Segurança.

Porto Elizabeth foi a cidade que me senti mais seguro andando nas ruas dos lugares que passei nesta viagem pela África do Sul (Cape Town, Joanesburgo e Durban), mas mesmo assim pequeno furtos acontecem com freqüência na cidade, portanto os cuidados de segurança são os mesmos de todos os outros lugares.

Assim, como em todas as cidades da África do Sul, fomos orientados a evitar andar na rua após as 17 horas.

Viajar sem um seguro viagem é loucura, portanto nunca faça isso!

Aproveite, faça sua cotação e reserve seu Seguro Viagem com a parceira do Quero Mochilar.

OBS: Fechando seguro viagem pelo link do site, você pode ganhar um Diário de Bordo do Quero Mochilar – Saiba mais.

ROTEIRO

Dia 06: 31/08/2017 – Explorando Porto Elizabeth.

Madruguei em Durban e ás 06h00 já estava no meu voo rumo a Porto Elizabeth. Voei com a South African Airways, empresa que encontrei as melhores tarifas na época. O voo foi em uma aeronave bem pequena, mas foi bem tranquilo e agradável.

Viajei ao lado de um sul africano de Jeffreys Bay, que me deu várias dicas das duas cidades durante o voo.

Uma hora e vinte minutos depois cheguei ao aeroporto de PE, era ainda 7h20, portanto eu tinha o dia todo pela frente.

No próprio aeroporto pedi a internet em uma agencia de turismo, eles deram e assim solicitei um Uber até meu Hostel. Para pegar o Uber tive que cruzar a frente do aeroporto para o carro não me pegar no lugar dos táxis. Mais anda quase nada e foi tranquilo.

O aeroporto não é afastado da cidade como Durban, e a corrida ficou apenas R 33,00 (R$ 11,55).

Chegado no hostel, check in feito fui conhecer a cidade, e antes de mostrar as principais atrações de Pii, quero falar um pouco sobre como se locomover por lá.

Como se Locomover em Porto Elizabeth?

São estas as principais maneiras para turistas, com nomes que nós entendemos:

1- Carro: Táxi e Uber: Ambos funcionam muito bem na cidade. O Uber aceita ainda pagamento em cartão ou dinheiro.

Os táxis aqui são chamados de cabs, ok. Se você dizer táxi por lá, eles entenderão que são as minivans.

Normalmente não tem taxímetros e você combina o valor antes, pelo amor de Deus viu!!.(rs), ou se tiver a opção peça para ligar o taxímetro.

Se está em mais de uma pessoa, o Uber é o meio de transporte que mais compensa.

2- Mini Vans:  As minivans, aqui são chamadas de Táxi. Uma dificuldade é que ela não tem sinalização indicando seu destino.

Como funciona: O cobrador fica com a cabeça para fora gritando os clientes e ela vai parando ao longo do caminho pegando os passageiros. Cheguei a pegar duas vezes, por R 10 (R$ 3,50), e foi bem tranqüilo.

0- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Vamos combinar, se você disser táxi, é isso que esta procurando, ok?? Taxi como aqui no Brasil é Cabs.

3- Ônibus: O sistema de ônibus de Porto Elizabeth é considerado um dos melhores do mundo e é uma ótima alternativa para aqueles que tem mais tempo na cidade. A passagem é em torno de R$ 3,00 e o melhor é que há internet grátis.

Agora vamos ao que interessa!!

O QUE FAZER EM PORTO ELIZABETH EM 1 DIA?

Informações pegas no hostel, chamei um Uber e fui direto para a área central fazer o meu primeiro passeio.

O Uber do Hostel até área central foi de R 34 (R$ 11,90).

1- ST. GEORGE´S PARK

Horário de funcionamento: Aberto diariamente.

Entrada: Gratuita.

Duração: Passeio de 30 a 40 minutos.                

Um pouco sobre o St. George´s Park

Esta é uma imensa área verde no meio de Porto Elizabeth, um lindo parque criado no ano de 1860. Neste parque estão vários pontos de interesse da cidade como o Estádio do Port Elizabeth Cricket Club. Aliás este foi o clube que trouxe o esporte para a África do Sul.

Aqui também há piscina e espaço para piquenique, muito usado pela população da cidade nos finais de semana. Para os amantes de flora, fica aqui também o Jardim Botânico, com diversas plantas da África e exóticas e tem até um cemitério, dá para crer?

7.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Um parque cheio de verde e bem limpinho.

7- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Não sei o que é, mas  parece a nossa curicaca do MS, e muito… rs.

7.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Um monumento em homenagem a primeira guerra mundial. Há vários monumentos aqui.

7.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Ali esta o Jardim Botânico, quando passei estava fechado infelizmente.

7.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Não resisti em entrar um pouquinho no cemitério, pena que não havia nenhuma explicação para eu entender a história.

Sai do parque, fui contornando o mesmo e acabei me deparando com dois museus, que foi uma surpresa, um estava ao lado do outro e não estavam na minha programação.

2- ESCOLA DE ARQUITETURA DA UNIVERSIDADE NELSON MANDELA

Horário de funcionamento: Aberto somente em dias de semana das 09h00 ás 17h00.

Entrada: Gratuita.

Um pouco sobre a escola de arquitetura…

Este é o museu da escola de arquitetura, com algumas maquetes de lugares da cidade e explicando um pouco sobre construções.

Realmente este passeio não é nada demais, e nem acho que vale a pena ir só por ele.

8- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Fachada da escola de arquitetura.

1- Quero Mochilar

Foto: Interior – Penso que só vai achar interessante arquitetos e engenheiros…rs.

3- NELSON MANDELA METROPOLITAN ART MUSEUM

Horário de funcionamento: Aberto somente em dias de semana das  09h00 ás 17h00. Fechado na Terça de manhã.

Entrada: Gratuita.

Um pouco sobre o Nelson Mandela Metropolitan Art Museum…

O Nelson Mandela Metropolitan Art Museum está na esquina da Rink Street e Park Drive. Aqui esta uma coleção de arte da África do Sul dispostas em 3 salas de exposições.Originalmente chamado de Galeria de Arte King George VI, o Museu de Arte Metropolitano de Nelson Mandela foi fundado pelo município de Port Elizabeth em 22 de junho de 1956 e, de 1960 a 2007, operava sob controle de um Conselho de Curadores independente. O Conselho foi encarregado de toda a gestão e controle financeiro dos assuntos da Galeria de Arte e compreendeu nove membros estatutários e nove membros adicionais.

Não achei muito interessante, pois não gosto de museus de arte, mas para quem goste as vezes cairá bem, penso não ser uma atração tão imperdível assim.

2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Salão principal e interior do museu.

2.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Objetos em exposição no salão principal.

2.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Um belo quadro exposto na sala de quadros.

Como os dois museus são pequenos, rapidamente os conheci e então parti para o principal e mais turístico ponto de Porto Elizabeth – o Donkin Reserve.

No começo estava preocupado, pois ainda me sentia inseguro em perambular pela cidade com as minhas câmeras, tentei achar um táxi na proximidade já que não tinha internet e não encontrei, mas via no mapa que não era tão longe, então resolvi ir andando este 1 km de distância. Foram em torno de 15 minutos de caminhada, e foi a melhor decisão, pois fui vendo e sentindo a cidade, passando por praças, pessoas e vi que Porto Elizabeth é uma cidade bem calma, não vi as ruas com aqueles movimentos enormes como Joanesburgo e Durban, e me senti super tranquilo em caminhar por lá.

14- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Coisas que observamos quando temos tempo. Uma placa de carro, show não?

4- DONKIN RESERVE

Horário de funcionamento: O farol está aberto ao público entre 08h00-16h30 dias úteis e os sábados 09h30-15h30.

Entrada: R 10 (R$ 3,50) – Farol. Parque a entrada é gratuita.

Este é a principal atração turística da cidade, um parque que consiste em um Farol e em um belo monumento de Pirâmide de Pedra, onde há uma inscrição tocante erguida pelo senhor Rufane Donkin em memória de sua falecida esposa Elizabeth, quem deu o nome a cidade.

Sua esposa veio a falecer na Índia em 1818, um pouco antes do senhor Donkin ser transferido para a África do Sul e nomeado como primeiro governador. Assim que chegou, Rufane decidiu dar à cidade o nome de sua esposa, como uma prova do seu amor. Mandou construir também essa pirâmide de pedra em sua homenagem.

3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: O Farol, que foi construído em 1861 e a pirâmide. Ao lado a casinha é o centro de informações turísticas.

3.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Este belo mosaico em frente a mais linda prova de amor da cidade.

A pirâmide é de aproximadamente 10 metros de altura e os lados na base medem cerca de 8 metros cada.

Aproveitei que estava aqui para subir no farol que tem uma escada bem apertadinha. Eu tinha até que tirar a mochila para passar.

4.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Escadarias do farol para a melhor vista da cidade.

4.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Já lá em cima.

4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Lá longe o Shark Rock Pier – o único pier da cidade.

4.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: O porto da cidade.

4.5- Quero Mochilar

Foto: Nesta foto podemos ver o tamanho da bandeira.

4.6- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Aquele casarão é um dos hotéis mais luxuosos da cidade, em frente ao parque.

4.7- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Mais arquitetura de PE, destaque para a igreja ao lado direito.

4.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Essa é a minha querida África!

Andando ao redor do farol, você encontrará este jardim, em homenagem as pessoas que morreram servindo os habitantes da área conhecida como baia de Nelson Mandela.

3.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Monumento explicando o que significam as plantas abaixo.

3.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Cada planta desta representa uma pessoa.

Aqui há também algumas obras de arte como o Voting Line Sculpture – monumento àqueles que votaram pacificamente nas eleições de 27 de abril de 1994, quando Mandela foi eleito.

3.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Eu ali entrando no clima…rs.

Importante lembrar que aqui fica o Centro Oficial de Informação Turística, que funciona bem e ainda tem internet gratuita. Lugar ideal para pegar seus mapinhas e folhetos. A Reserva Donkin faz parte da Route 67 e da Donkin Heritage Trail.

Daqui nos informamos no centro de informações turística, e descemos a ladeira sentido o porto, para conhecer o City Hall.

5- CITY HALL

Horário de funcionamento:  Não é possível a entrada, assim só conheci a arquitetura por fora e a praça.

Esta é a Prefeitura da cidade construída entre 1858 e 1862 e está localizada na Praça do Mercado. A atraente torre do relógio só foi adicionada em 1883. Aqui há a Câmara do Conselho, uma sala de concertos, uma sala de conferências e escritórios para funcionários do conselho da cidade. O edifício foi proclamado monumento nacional em 1973, sendo que em 1977 foi incendiada  e depois reconstruída.

9- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Também na Praça, há uma réplica da Cruz de Diaz, doada pelo Governo Português para comemorar a chegada de Bartolomé Diaz na Baía de Algoa em 1488. 

Ao lado da torre está o prédio da biblioteca nacional, também com uma bela arquitetura.

10- Quero Mochilar Porto

Foto: Biblioteca pública da cidade.

6- AVENIDA GOVAN MBEKI

Após conhecer o City Hall, resolvi andar pela Avenida Govan, que é no prolongamento do City Hall. Esta avenida é cheia de lojas, restaurantes, fast food, supermercados etc…

Andei pelas lojas e restaurantes, aproveitei para ir no supermercado comprar mantimentos e coisas para trazer, como chocolates e molhos, e como era hora do almoço, aproveitei para almoçar, escolhi comer em uma rede de fast food chamada Hungry Lion, e nunca vi tanta gordura na vida…rs. Este KFC paraguaio (rs), assim digamos, a barata frita virou um bolo de batata… estava tudo tão encharcado que chegou a fazer mal… rs.

15- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Ao lado de um supermercado esta o fast food mais gorduroso da África….rs.

15.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: A paisagem não é bonita, mas este é o centrão da cidade. Aquele no fundo é o City Hall.

Barriga cheia, subi a ladeira ao lado do City Hall e fui conhecer um dos museus da cidade.

7- MUSEU CASTLE HILL

Horário de funcionamento: Os horários de abertura são de segunda à quinta das 10h00 às 16h30. Sexta-feira das 10h00 às 16h00. Fechado de 13h00 à 14h00.

Entrada: R 10 (R$ 3,50).

No 7 Castle Hill foi concluída em 1825 e é uma das casas de colonizador mais antigas de Porto Elizabeth. Foi inaugurado como Museu em 1965. No seu interior está representado a vida doméstica de um família de classe média inglesa no século XIX. Essa residência consta com pisos e vigas de Yellowwood e um telhado de ardósia restaurado. A casa da boneca, é o mais famoso ponto, e o único que não podemos fotografar. Aqui você realmente será transportado para trás no tempo, conhecendo mobiliários antigos, equipamento de cozinha, brinquedos velhos. Um museu simples e rápido, mas bem agradável de conhecer. Eu gostei.

IMG_5443

Foto: Depois de subir uma enorme ladeira esta é a entrada do museu.

5.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Detalhes da cozinha.

5.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto:Interior de um quarto.

5.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Olha esse porta pinico ao lado da cama. Será que faziam o 2 também aqui???…rs.

5- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Que linda a sala de estar daquela época.

5.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Um dos quartos retratando o dia a dia daqueles tempos.

Do museu, agora queria ir rumo a orla, mas para não andar perto do Porto, fui perguntar a um dos guardinhas como íamos de ônibus até a entrada do South Museun, ele orientou que era melhor pegar a van embaixo do viaduto, explicou o caminho, mas viu minha cara e da minha amiga que era de dúvida, e então o seu amigo que estava com ele, se ofereceu e foi com a gente até o local onde pegaríamos o Táxi (as minivans). Muita simpatia, não?? Pegamos a Van sem nenhum problema, super simples, e ainda viramos atração…rs, pois só tínhamos nós branquelos lá dentro, apertado, sem saber como e onde descer, e cheio de gente querendo saber de onde a gente era, mas mal deu tempo de conversa e já estávamos descendo no próximo museu. Foi divertido! rs.

8- MUSEU SOUTH END 

Horário de funcionamento: Dias de semana das 9h00 às 16h00. Sábado e domingo das 10h00 às 15h00.

Entrada: Doação – Recomendo pelo menos R 10 (R$ 3,50).

Um pouco sobre o South End…

O Museu South End é dedicado a história que aconteceu no subúrbio de South End em Porto Elizabeth antes e durante a implementação da Lei de Áreas do Grupo de 1950, o que levou à destruição do “antigo” South End, que era um subúrbio bem movimentado, repleto de atividades, e povoado por uma comunidade muito cosmopolita.

Começar um passeio pelo South End Museum é embarcar em uma experiência bastante diferente de qualquer outro. Você conhecerá pessoas fascinantes do passado; pessoas que lutaram contra as injustiças do tempo e até certo ponto, mudaram o curso da história. Você verá recortes de jornais e fotografias de remoção forçada e você, sem dúvida, será deixado em pura admiração por aqueles que lutaram contra o regime do Apartheid e se seus esforços eram gigantescos ou minúsculos.

Este é um olhar emocional sobre a história de Nelson Mandela Bay e as pessoas que o tornam único.  Você começa o tour assistindo um vídeo resumo da história com depoimentos de pessoas que viveram naqueles tempos, para só depois entrar nas salas.

6.5- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Entrada do Museu.

6- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Palavra que resume aqueles tempos – Esperança.

6.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Um palco no centro do museu, com um mapa da cidade no chão.

6.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Muitas fotos, recortes de jornais e pinturas daqueles tempos.

6.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Olha o tipo de alertas!! Irão atirar e cachorros selvagens vão te comer.. foi avisado!

6.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: A escada dos fatos.. show!!

Daqui, resolvemos ir andando pela avenida a beira mar até a Boardwalk, eram 3,2 km, e eu não recomendo, pois e bem isolada está caminhada e facinho de alguém fazer tocaia…rs. Depois de andar mais ou menos 1 km, o tempo começou a mudar, uns pingos cair e resolvemos pegar uma das vans novamente, já que era apenas R 10 ( R$ 3,50).

Logo paramos e fomos primeiro conhecer o famoso Pier da cidade.

9- SHARK ROCK PIER

Horário de funcionamento: Não há, está sempre aberto, mas por segurança bom ir só até no máximo ás 17 h.

Entrada: Gratuita.

Um pouco sobre o Shark Rock Pier…

Construído em 1998 este é o único pier da cidade, com 140 metros e um dos mais populares passeios e que oferece uma vista espetacular da Algoa Bay, o extenso litoral e a cidade.

11- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: O famoso pier de PE.

12- Quero Mochilar

Foto: O pier visto da praia. São 140 metros.

12.1- Quero Mochilar

Foto: A baia Algoa.

Dizem que daqui tem um belo Por do Sol, mas quando eu fui tinha tanta gente pedindo dinheiro e cercando que eu desisti de caminhar até o fim, pois não achei seguro.

Em frente a esta atração está um dos destinos mais procurados da cidade, o Boardwalk.

1- BOARDWALK 

Horário de funcionamento: Show de luzes: Domingo a quinta – 19h00.  Sexta, sábado e feriados ás 19h00, 20h00 e 21h00 (este horário pode ter uma variação de meia hora). Perguntar sobre os horários na entrada onde há um centro de informações turísticas bem completo.

Entrada: Gratuita.

Um pouco sobre o Boardwalk…

Um dos lugares mais charmosos e turisticos da cidade, perfeito para deixar por último e jantar por lá. Aqui é um complexo, que há desde um luxuoso hotel e casino, até várias lojas e restaurantes. A atração principal são os show de luzes na lagoa do complexo, que acontece diariamente.

Resumindo, é tipo um shopping a céu aberto, mas muito lindo.

13- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: A entrada já é linda, não é?

13.1- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Pra quem gosta, um excelente cassino.

13.2- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: A lagoa onde acontece o show de luzes na água durante a noite.

13.3- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Bem agradável andar por aqui.

13.4- Quero Mochilar Porto Elizabeth

Foto: Lojas com muitos souvenirs de todos os tipos.

Vídeo: O Show de luzes – São várias musicas e a água e as luzes seguem seu ritmo. Bem legal.

Porto Elizabeth é isso e muito mais, fiz este roteiro de um dia, mas dá para passar mais de um dia aqui tranquilo. Vi vários blogs na minha pesquisa falando tão pouco e as vezes mal deste lugar, o que eu discordo, pois adorei, e indico sim passar por aqui.

Agora descansar que a próxima parada será meu primeiro Safari.

E DAÍ, QUANTO FICOU A BRINCADEIRA??

Orçamento para o dia: R 2.272,07 – R$ 678,67 (Com passagem de avião).

  • Passagem Aérea Durban para PE: R 1.536,23 (R$ 426,60).
  • Deslocamento na cidade: R 107 (R$ 37,45) – Minha parte, estávamos em dois.
  • Hospedagem: R 150 (R$ 47,03).
  • Entradas atrações: R 20 (R$ 7,00)..
  • Alimentação (Almoço e Jantar): R 200 (R$ 70,00).
  • Compras supermercado: R 98,94 (R$ 34,63).
  • Compras no Boardwalk (Particular): R 159,90 (R$ 55,97).

Orçamento da viagem de 20 dias para África do Sul e Namíbia: R$ 706 / dia / para 20 dias – Incluindo tudo ( De passagem aérea a lembrancinha).

Tabela: Análise do gasto total da viagem de 20 dias pela África.

Levantamento de Custos - Africa do Sul

NÃO POSSO DEIXAR DE PROVAR…

Porto Elizabeth é lugar de comer frutos do mar e na Orla da cidade há vários restaurantes.

No Boardwalk há um restaurante de uma rede chamada Spur, eu particularmente apesar de ver várias críticas, comi lá e gostei.

Comida de modo geral, não achei caro na cidade. Uma cidade do mesmo nível aqui no Brasil, qualquer lugar que eu comesse sairia o dobro. Essa foi minha percepção.

LIÇÕES APRENDIDAS.

1- Voo Interno na África: 1 Mala de 20 kg.

2- Quantos dias ficar? Depende, para o meu roteiro 1 dia fiquei satisfeito. Recomendaria isso para quem for na mesma época do ano e não for pegar uma praia.

3- Há Safaris nas proximidades da cidade e nos próprios hostels há várias agências parceiras que você pode fechar um bate e volta. O Addo por exemplo, são apenas 40 km da cidade.

4- Há várias praias na cidade e arredores, por tanto, se for no verão uns dias a mais cairá bem.

5- Lugares que não consegui visitar, mas estão nas minhas pesquisas.

PRAIAS:

  • Sardinia Bay;
  • Boardwalk em Summerstrand;
  • King Beach

OUTRAS ATRAÇÕES:

  • Pinguins de Samrec: localizado no Cape Recife Nature Reserve, é um centro de reabilitação.
  • The Goodnight Market
  • Beer Yard
  • Estádio da Copa.

Site com várias dicas da cidade: Casal Wanderlust.

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS.

Fuso Horário: + 5h (Brasília).

Língua

A África do Sul tem 11 línguas oficiais e ainda reconhece outras oito línguas não oficiais como “línguas nacionais”.

Das línguas oficiais, duas são línguas indo-europeias— inglês e africâner— enquanto as outras nove são línguas da família bantu (no interior da África o maior filo, Níger-Congo).

O inglês, por sua vez, é muito comum, sendo o principal meio de comunicação entre estrangeiros e locais.

Moeda

O Rand é a moeda oficial e corrente atualmente na África do Sul.

 Moeda Africa do Sul

 Códigos: ZAR, também grafado R.

  • R 1  = R$ 2,85
  • R$ 1,00 = R 0,35

* Este foi o valor que paguei, que acabou saindo um pouco mais caro por ter solicitado a moeda na minha cidade – Montes Claros – MG.

Cotação atual: Clique aqui.

Vistos e Vacinas

Brasileiros não precisam de visto para entrar e permanecer na África do Sul por até 90 dias.

Cuidar para que seu passaporte esteja com a validade de, pelo menos, um mês depois da data prevista para o retorno.

Também é exigido o Certificado Internacional de Vacinação (CIVP) contra a febre amarela . Sem ele, você pode ser impedido de entrar no país.

Tomada

Tomada Africa do Sul quero Mochilar

A tomada de três furos redondos do lado esquerdo da foto é a oficial do país.

Nem meu adaptador universal servia nela. A maioria dos hostel que fiquei no país tinha como na foto ao lado, a opção de algumas tomadas com outra entrada.

Voltagem: 220 V.

A VIAGEM CONTINUA…

Relato Anterior: Durban – África do Sul.

Próximo Relato: Addo Elepahnt Park – África do Sul.

Primeiro Relato da viagem: Soweto – África do Sul.

RESUMÃO QUERO MOCHILAR EM PDF: Resumão_QM_PE

Gostou? Compartilhe! Tem alguma sugestão ou atualização de informação? Enriqueça a pesquisa de seus amigos nos comentários. Além de ajudar o próximo viajante é super importante a opinião de vocês para o blog.

QUEM PODE TE AJUDAR?

Vai viajar? Planeje toda sua viagem com o Quero Mochilar!

 O Quero Mochilar tem te ajudado com dicas e roteiros para o seu planejamento? Então que tal nos ajudar sem pagar nada a mais por isso, simplesmente fechando sua viagem com os serviços oferecidos pelas parceiras do Blog.

GARANTA AQUI

SEGURO VIAGEM – RESERVA DE HOSPEDAGEM – ALUGUEL DE CARRO – TOURS – RESERVAS

Além de garantir sua programação com segurança, você estará ajudando a manter o site no ar cheio de dicas para você, sem gastar nada a mais por isso.

    • Realmente, um dia dá para ver muita coisa, e ainda beber uma cerveja!!! rs
      Obrigado, seu blog me ajudou muito a me organizar nesta viagem pela África…

Deixe uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estesHTMLtags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Language »