Camberra – Austrália

A Austrália muitas vezes é procurada por suas belezas naturais e suas belas praias, o que faz com que sua capital federal, distante do litoral, muitas vezes fique fora do roteiro de muita gente, mas em um país caro como este, não podemos deixar de fora sua capital, ainda mais quando temos aqui excelentes lugares de acesso gratuito que nos farão entender realmente quem é a Austrália. Neste post listo quatro lugares imperdíveis e gratuitos, para um roteiro de um dia pela capital deste país incrível que conquistou meu coração.

INFORMAÇÕES DE: Abril de 2010.

ROTEIRO PARA: 1 dia.

TIPO DE VIAGEM: Passagem pela cidade.

HOSPEDAGEM: Não cheguei a dormir na cidade, mas caso esteja procurando lugar para ficar aproveite para pesquisar e reservar seu hotel aqui no booking.com com o Quero Mochilar, você não paga nada a mais por isso e ajuda a manter o blog no ar.

SOBRE CAMBERRA

Camberra é a capital federal da Austrália, cujo nome deriva da palavra aborígene “Kamberra”, que significa “Ponto de Encontro”. Esta é e a oitava cidade mais populosa do país com 450 mil habitantes.

A sua localização foi escolhida em 1908 e teve como objetivo eliminar a rivalidade entre Sydney e Melbourne, as duas maiores cidades da Austrália. A cidade foi construída toda planejada após um concurso internacional de design e sua construção durou de 1913 a 1927. Seu projeto foi bastante influenciado pelo movimento cidade-jardim e incorporou áreas significativas de vegetação natural, o que lhe rendeu o título de bush capital (algo como cidade-arbusto).

Como capital, a cidade apresenta o Parlamento, a Alta Corte Australiana, além da Biblioteca Nacional da Austrália e ótimos museus. O governo federal contribui com uma grande porcentagem da receita bruta da cidade, sendo assim, o maior empregador.

Por ser um importante centro cultural, a capital federal abriga diversas instituições culturais, apoia a comunidade artística e promove a boa gastronomia e bares, uma combinação de atrações urbanas que atrai muitos turistas a procura de descobertas e diversão.

7.0- Quero Mochilar

Como chegar?

Por ser capital o acesso para a cidade é fácil, sendo possível chegar tanto de avião, quanto pelas excelentes rodovias da Austrália.

Distâncias e duração das principais cidades:

Sydney – Camberra:  286 km.

  • Carro: 3 horas de viagem.
  • Trem: 5 horas de viagem.
  • Avião: 55 min de viagem.

Melbourne – Camberra: 663 km.

  • Carro: 6 horas e 43 min de viagem.
  • Trem: 9 horas e 19 min de viagem.
  • Avião: 1 hora e 5 min de viagem.

 Quando ir?

O clima em Camberra é temperado e ensolarado. No verão a mínima é de 12oC e a máxima de 27oC. Já no inverno, a mínima chega aos 3oC e a máxima aos 12oC.

A cidade pode ser visitada o ano todo, ainda mais que suas atrações geralmente são em lugares fechados, mas os melhores meses para visitar vão de outubro a abril, que são os meses mais quentes.

Mais detalhes: Clique aqui.

Segurança.

A Austrália é um país top, de primeiro mundo, onde nos sentimos muito seguro em relação a furtos, assaltos e roubos violentos, coisas que as vezes temos que nos preocupar sendo turista. Mas, imprevistos acontecem e viajar sem estar assegurado é muito arriscado.

Recomendo pelo Quero Mochilar o Seguro da Mondial Assitence – Faça sua cotação e feche se seguro clicando aqui.

ROTEIRO

Planejamento e Atrações

Lá estava eu, mais um dia percorrendo New South Wales de van com outros 12 estudantes de inglês de várias nacionalidades.

Estava feliz, afinal ia conhecer a capital da Austrália.

Não cheguei a dormir na cidade, fui só de passagem, o que foi uma pena, pois pelo que pesquisei Camberra parece ser uma cidade com ótimos bares e restaurantes, e eu teria aproveitado muito.

Conheci 4 atrações da cidade que são algumas das principais, e recomendo todas.

 Mapa das atrações

Quando cheguei na cidade fui direto a um mirante, o que foi ótimo, já chegar conhecendo Camberra com uma vista panorâmica.

Monte Ainslie

Horário de funcionamento: Não há horário de funcionamento.

Entrada: Gratuita

Um pouco sobre o Mirante Ainslie…

Este mirante fica no alto do Monte Ainslie, de onde é possível ter uma bela vista da capital, inclusive do seu parlamento. Um passeio rápido e gratuito e na minha opinião a melhor forma de começar explorando Camberra.

2- Quero Mochilar

Foto: O tempo e a máquina fotográfica não colaboraram… rs.

Pena que na época minha máquina era ruim e eu nada entendia de foto, registros bons daqui, só na memória mesmo.

Daqui, fui conhecer um dos principais museus do país.

Museu Nacional da Austrália.

Horário de funcionamento: Diariamente das 9h00 às 17h00. Fechado somente no natal.

Entrada: Gratuita.

Visitas guiadas são possíveis através do pagamento de uma pequena taxa, mas não é obrigatória.

Um pouco sobre o Museu Nacional da Austrália…

A história deste museu é que até março de 2001 ele não tinha um local permanente, e só foi estabelecido oficialmente em Camberra neste mesmo ano no dia 11 de março.

Nos anos de 2005 e 2006 ele foi nomeado como a maior atração turística da Austrália, por tanto, não preciso nem repetir que é obrigatório, não é?

Localizado na la península de Acton, ao lado do lago Buerley Griffin, o Museu resgata e preserva a história social do país, explicando os principais assuntos, pessoas e eventos que moldaram a nação.

Se for um historiador e apaixonado por história poderia tranquilo passar um dia aqui, mas eu em excursão e correria fiquei por no máximo duas horas e deu para ver muita coisa.

Não há lugar melhor para conhecer e entender a identidade do pais, desde a sua colonização britânica até as heranças herdadas dos aborígenes, de 50 mil anos atrás.

Antes de viajar eu havia pesquisado sobre este museu e estava cheio de expectativas, pois este é o tipo de museu que eu gosto de visitar.

Já na chegada fiquei impressionado com a arquitetura exterior dele, que é show! Super moderna, um jogo de cores e desenhos bem originais.

5- Quero Mochilar

Foto: Chegando no Museu Nacional da Austrália.

4- Quero Mochilar

Foto: Pátio do museu.

3- Quero Mochilar

Foto: Muito interessante sua arquitetura externa.

4.1- Quero Mochilar

Foto: Vista para o belo lago Burley Griffin que há no meio da cidade.

Lá dentro cada espaço esta organizado seguindo a história do país, e elas são unidas todas entre sí em ordem cronológica.

Um dos salões que mais gostei foi o dedicado aos aborígines, onde há várias ferramentas de pedras muito antigas, machados e os famosos bumerangues, usados para caça.

7- Quero Mochilar

Foto: Boomerangs – Arma de caça dos aborígenes.

Também gostei bastante da sessão de agricultura e meio ambiente, principalmente a parte da fauna, e ver alguns animais nativos que nunca vi, mesmo que empalhados foi o máximo.

6- Quero Mochilar

Foto: Um ornitorrinco – Olha que bicho mais doido, nunca tinha visto nenhum na vida.

Mais informações sobre este museu estão no link que disponibilizei no final deste post.

Memorial de Guerra Australiano

Horário de funcionamento: Diariamente das 10h00 as 17h00 – Fechado no Natal.

Entrada: Gratuita. Há visitas guiadas grátis de 90 em 90 minutos.

Um pouco sobre o Memorial de Guerra Australiano…

O “War Memorial”, inaugurado em 1941, é um museu dedicado a homenagear os militares que morreram ao redor do mundo para defenderem seu país. Neste museu podemos apreciar ainda o museu militar nacional.

O Memorial de Guerra Australiano fica no lado oposto do Lago Burley Griffin, em relação à Casa do Parlamento, no início da ANZAC Parade, e chegar é fácil, se estiver de carro, há estacionamento.

17- Quero Mochilar

Foto: Frente do Museu.

17.1- Quero Mochilar

Foto: Os dizerem lembram que eles deram suas vidas pela nação.

Dentro do Museu você encontrará exibições que exploram a história militar australiana.

Eu adoro histórias de guerra, leio tudo, e museus assim são o auge da minha euforia! Rs…

18.1- Quero Mochilar

Foto: No pátio há a piscina do memorial e cercada por maravilhosos jardins. – Vista do fundo.

18.2- Quero Mochilar

Foto: Vista da frente.

18- Quero Mochilar

Foto: Eu feliz da vida em conhecer mais um museu de guerra.

19- Quero Mochilar

Foto: Ao redor do pátio, o Roll of Honor há uma série de placas de bronze com os nomes dos militares que morreram a serviço da nação. Em meio às placas, há milhares de flores colocadas por amigos e parentes das vítimas.

Procure no Hall of Memory (ou Salão da Memória) o Túmulo do Soldado Desconhecido, uma sala com paredes decoradas com mosaicos e vitrais que representam as características dos militares. Este trabalho foi realizado por um veterano da Primeira Guerra Mundial, que perdeu um braço na Batalha de Bullecourt.

20- Quero Mochilar

Foto: A sepultura do soldado desconhecido.

O museu separa a história contando sobre a primeira guerra mundial, e depois passando pela segunda.

22- Quero Mochilar

Foto: A várias maquetes que simulam o ambiente onde estes guerreiros lutaram.

23- Quero Mochilar

Foto: São inúmeras maquetes como esta simulando os cenários das guerras.

24- Quero Mochilar

Foto: Lembranças da Segunda Guerra Mundial.

O Salão ANZAC mostra maquinarias militares, relatos escritos por soldados e seus parceiros, além de histórias sobre as batalhas, demais!!!!

25- Quero Mochilar

Foto: Equipamentos de guerra expostos na parte de fora do museu.

Infelizmente só passei umas duas horas lá, mas se estivesse com tempo e tranquilo, acho que passaria o dia aqui. Este lugar é fantástico.

Casa do Parlamento

Horário de funcionamento: Diariamente das 09h00 as 17h00 – Fechado no Natal.

Free tours: Diariamente: 9h30, 11h00, 13h00, 14h00 e 15h30.

OBS: Os visitantes tem que apresentar o passaporte para este tipo de tour.

Entrada: As visitas para conhecer mais a fundo o parlamento são pagas. Mas há visitas gratuitas bem interessantes, fiz e acho que foi o suficiente.

Um pouco sobre a Casa do Parlamento…

O Parlamento da Austrália é um edifício público que abriga as duas casas do Poder Legislativo australiano, esta é a principal e maior estrutura da capital, que ocupa 25 hectares no centro de Camberra.

O edifício é fruto de um escritório americano, Mitchell & Giurgola, com sede em Nova York, que foi o vencedor de 329 concorrentes de 28 países do concurso organizado pelo governo australiano para a construção do mesmo. Sua construção começou em 1981, mas o edifício só foi inaugurado em 1988, pela Rainha Elizabeth II.

7.1- Quero Mochilar

Foto: Olhe para o alto para admirar o mastro de cerca de 246 toneladas da bandeira australiana, de cerca de 6,4 metros de altura por 12,8 metros de comprimento.

8- Quero Mochilar

Foto: Os símbolos da bandeira do país.

9- Quero Mochilar

Foto: A vista da entrada do Parlamento, para o parlamento antigo.

Lá dentro, para entramos há muita revista, recomendo até deixar o que puder no carro e ir com o mínimo possível.

Ao atravessar o átrio com incríveis mosaicos, uma obra de arte por si só, admire a magnitude do edifício. O prédio é monstruoso e tem 4.500 salas.

Ao atravessar o saguão principal todo em mármore e madeira, admire o grande salão, que é show.

11- Quero Mochilar

Foto: Olha que coisa mais linda este mármore.

10- Quero Mochilar

Foto: Salão todo em mármore.

Continue a explorar o edifício para admirar outras obras de arte e ver as salas de onde o país é governado.

Participei de uma visita guiada gratuita para saber um pouco mais sobre o edifício e sua história e também visitei a Câmara dos Deputados e o Senado. Estas são as salas onde os políticos australianos se reúnem para discutirem todas as questões do país.

 

13- Quero Mochilar

Foto: O senado.

14- Quero Mochilar

Foto: Interior – Não me lembro qual sala era esta… rs.

15- Quero Mochilar

Foto: Onde decisões importantes são tomadas.

21- Quero Mochilar

E DAÍ, QUANTO FICOU A BRINCADEIRA??

Orçamento para o dia: Todas estas atrações foram gratuitas.

LIÇÕES APRENDIDAS.

1- Vá na cidade e fique pelo menos dois dias, para conhecer tudo com calma e também seus bares e restaurantes que dizem ter ótimos deles aqui.

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA AUSTRÁLIA.

Fuso Horário: +13h (Brasília)

Língua

O Inglês é a língua oficial na Austrália.

Moeda

A moeda oficial da Austrália é o dólar australiano.

Códigos: AUD, também grafado A$, AU$, $A ou $AU.

  • 1 AUD = R$ 2,48
  • R$ 1,00 = A$ 0,40

Cotação atual: Clique aqui.

Visto e Vacinas

Para entrar na Austrália é preciso solicitar um visto pelo site da embaixada com antecedência (recomendo 3 meses) e também é obrigatório ter a vacina contra a febre amarela (cartão internacional).

OBS: A vacina é válida por dez anos, e tem obrigatoriamente que ser feita no mínimo dez dias antes da viagem.

Após tomar a dose, é preciso levar o comprovante até o posto da Anvisa para que seja emitida a carteira internacional de vacinação. Há um posto no aeroporto de Guarulhos, entre em contato e veja como agendar para regularizar antes do seu voo.

O visto quando fui para austrália paguei $ 90 dólares, mas hoje esta na faixa de $ 115,00 dólares americanos.

Embaixada – Mais informações: Clique aqui.

Eletricidade

A voltagem padrão na Austrália é 220V

Tomada Asutralia

A VIAGEM CONTINUA…

Próximo Relato: Jervis Bay – Austrália.

Recomendo: 

Gostou? Compartilhe! Tem alguma sugestão ou atualização de informação? Enriqueça a pesquisa de seus amigos nos comentários. Além de ajudar o próximo viajante é super importante a opinião de vocês para o blog.

 QUEM PODE TE AJUDAR?

Vai viajar? Planeje toda sua viagem com o Quero Mochilar!

O Quero Mochilar tem te ajudado com dicas e roteiros para o seu planejamento? Então que tal nos ajudar sem pagar nada a mais por isso, simplesmente fechando sua viagem com os serviços oferecidos pelas parceiras do Blog.

GARANTA AQUI

SEGURO VIAGEM – HOSPEDAGEM – ALUGUEL DE CARRO – TOURS – PASSAGENS AÉREAS – RESERVAS

Além de garantir sua programação com segurança, você estará ajudando a manter o site no ar cheio de dicas para você, sem gastar nada a mais por isso.

Deixe uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estesHTMLtags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Language »