Nazca – Peru

INFORMAÇÕES DE: Setembro de 2014.

ROTEIRO PARA: 1 dia.

TIPO DE VIAGEM: Mochilão de férias (Bolívia, Perú e Equador) – Parte VII.

HOSPEDAGEM: Estava de passagem de Cusco para Lima, Dormi no ônibus.

SOBRE NAZCA.

Nazca é uma cidade no centro-sul do Peru a 450 km ao sul de Lima muito visitada por turistas de todas as partes que vão em busca de sobrevoar as famosas Linhas de Nazca – “Patrimônio Cultural da Humanidade” pela UNESCO desde 1994.
Estas Linhas, descobertas em 1927 por um arqueólogo durante um sobrevoo na região, são até hoje um mistério. Os geoglifos compostos por linhas, formas geométricas e silhuetas que recobrem mais de 1.000 km2, são figuras de extensas dimensões, traçadas sobre a vasta pampa desértica que representam principalmente animais. Pesquisadores sempre tentaram descobrir como foram feitas e o porquê de estarem ali.
Há teorias de que elas se tratavam de um gigantesco calendário astronômico, mas outros estudos recentes apontam em outras direções, talvez se tratasse de uma rede hidráulica ou um local de rituais aos deuses, mas nenhuma conclusão pode ser dada como definitiva.
Sabem-se por testes de carbono 14, feito com pedaços de jarras de argila não queimada encontradas perto dos desenhos, provavelmente abandonados em rituais, que indicam uma data de aproximadamente 500 anos D.C.
Corpos decapitados também foram encontrados próximos aos geoglifos, o que reforçam a teoria de que o local era para realizar oferendas aos Deuses pedindo fertilização e chuva, e é esta uma das teorias mais aceitas.

ROTEIROS.

Dia 09:

Parti de Cusco as 18h pela empresa de ônibus Cruz der sur, que por sinal é excelente. São 14 horas de viagem até lá. A viagem é por uma estrada bem perigosa, com desfiladeiros grandes e pistas que as vezes cabe um único veículo, uma verdadeira aventura.

A viagem dura cerca de 14 horas e não tem paradas. Quando o dia amanhece vemos o perigo que é a estrada, muita curva fechada e os ônibus tem que fazer as curvas buzinando para alertar outros veiculos, e às vezes até precisam parar para dar passagem, esse trecho é de arrepiar! Ainda mais se você estiver no andar de cima e na frente…rs.
CAo chegar na cidade, ainda na rodoviária fui abordado por guias que me ofereceram o voo por $ 80, como eu tinha lido $ 95 na internet achei um bom negócio, mas era tocaia rs rs !
Chegando na pousada onde fui com o guia que me abordou, fui fechar o voo e daí veio a história, $ 80 é um avião maior que você não vai na janela, e que o menor, de 5 pessoas (que é o tradicional) são $ 150, reclamei e chegamos em um acordo por $ 115, com direito a café da manhã na pousada e eu ficaria na em um quarto até o horário do meu ônibus para Lima que era as 23 h, e poderia tomar um banho.

2

Foto: Avião com 5 passageiros. O ideal para quem quer ver as linhas, pois todos ficam na janela. Por ser pequeno chaqualha muito, e algumas pessoas enjoam.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3

Foto: Trajeto feito pela aeronave sobre os desenhos.

No aeroporto percebi que eu devia ter ido direto da rodoviária para lá para fechar o passeio, pois os preços eram menores, mas agora já foi… então fica a dica.

Antes de voar  assistimos um vídeo do National Geographic de uns 40 min sobre as linhas, e depois sobrevoamos em uma aviãozinho de 5 pessoas, que chacoalha muito e dá muita tontura. Sobrevoei uns 12 desenhos, por 20 min, e é legal de se ver toda aquela maravilha do céu.

2.1

Foto: Só na expectativa… sai zonzinho daqui! rs.

0

Foto: O deserto de Nazca.

11

Foto: A figura das mãos.

4

Foto: Chamam esta figura de astronauta, mas pra mim é um ET. rs

5

Foto : Mono: O macaco, uma das figuras mais famosas.

6

Foto: El perro – O Cachorro.

9

Foto: Figura do Condor.

7

Foto: Figura do Colibri

8

Foto: Figura da Aranha.

10

Foto: Figura da árvore – Esta e as mão estão próximas a rodovia, assim se você não conseguir pagar por um sobrevoo pode ir até os mirantes próximos as figuras e vê-las lá de cima.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para quem ta sem grana, tem uns mirantes no deserto que você sobe e pode observar alguns dos desenhos, mas nada como sobrevoar.

Depois do voo andei pela cidade, almocei e consegui trocar minha passagem das 23h para as 16h, não quis ficar mais na cidade e fazer os aquedutos, pois tinha muitos dias ainda de férias e Cuzco me quebrou ($$$$). O Ônibus de Nazca a Lima demora em torno de 8 horas, e a paisagem também é bem interessante.

A viagem continua…

Relato anterior: Machu Picchu.

Próximo Relato: Lima.

NOTAS:

1- Nazca é uma cidade de ficar somente uma noite, a cidade em si, não tem muitos atrativos, além das linhas e dos aquedutos, que fiquei sem fazer.

2- Se for de Ônibus com piso superior tente comprar a primeira poltrona para deslumbrar a paisagem da viagem, que é por si só em alguns trechos uma aventura, chega a dar arrepio.

3- Feche passeios direto no aeroporto, você será muito assediado na rodoviária, não caia na mesma armadilha que eu cai.

4- A empresa Cruz der sul, é a melhor! Pode confiar! Com jantar, confortável, e segura. Ela tem site, sendo assim pode comprar suas passagens com antecedência.

5- Leve um Dramim, o vôo da muito enjôo.

  1. Zenilda Maria says:

    Muito lindo ,em maio estaremos vendo e vivendo essas belezas.
    Lindas fotos e lindas paisagens

Deixe uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estesHTMLtags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Language »