Praia do Sono e região

A Praia do Sono e região, com as praias de Antigos, Antiguinhos , Ponta Nega entre outras, é um lugar paradisíaco e um dos mais belos de Paraty. Águas claras, cachoeiras, mata atlântica e seja lá o que você queira vai encontrar aqui.

  • INFORMAÇÕES: Janeiro de 2020.
  • ROTEIRO:  1 dia.
  • TIPO DE VIAGEM:  Viagem independente – Férias – Parte IV.

SOBRE A PRAIA DO SONO E REGIÃO

Este belo conjunto de praias está localizado na Reserva Ecológica Estadual da Juatinga, e por isso mesmo estão bem protegidas, tendo seu acesso somente por trilhas ou barcos.

A Reserva da Juatinga, assim como as praias, também faz parte da chamada Costa Verde, uma região de mata atlântica que abrange o estado do Rio de Janeiro e São Paulo e é famosa por belas paisagens e praias paradisíacas.

A Praia do Sono é na verdade uma pequena vila de pescadores, na qual seus habitantes vivem principalmente do artesanato e turismo, e por isso mesmo o lugar possui uma boa estrutura de  camping, chalés e restaurantes.

Essa região toda é realmente de uma beleza sem igual, com águas cristalinas, areias branquinhas, muita vida marinha e natureza de todo tipo, lugar ideal pra curtir e relaxar de verdade. 

Praia do Sono e região

Onde se hospedar na Praia do Sono?

Neste dia fiz um bate e volta de Paraty, onde eu estava hospedado e isso é o que muitos fazem, porém é possível pernoitar aqui.

As opções de hospedagem na Praia do Sono são: 

1- Camping: Opção mais procurada e mais em conta.

Há 17 áreas de campings na Praia do Sono, considerando praia e arredores. Pelo que pesquisei a maioria dos campings são bem básicos, porém sempre com banheiro e cozinha equipada. Há campings de frente para a praia e outros em locais gramados um pouco mais afastados.

Observações para quem quer acampar:

  • Os mais procurados são: Camping Marimbar e Camping Lá em Casa.
  • Diárias variam entre R$ 30,00 a R$ 50,00 – depende da época do ano.
  • Muitos campings alugam barracas.
  • Recomendam acampar em campings localizados mais para o final da praia e distante dos bares, devido o som, que vai até tarde da noite. Porém se você prefere mais agito, escolha campings no inicio e meio da praia.

2- Chalés e casas de temporada: Mais indicados para quem procura mais privacidade ou está em família e são as opções mais caras. São geralmente bem estruturados e possuem tudo que você precisa.

Saiba como reservar sua hospedagem com segurança e qualidade, usando a melhor ferramenta de busca de hotéis do mercado.

Saiba como reservar sua hospedagem com segurança e qualidade, usando a melhor ferramenta de busca de hotéis do mercado.

CONSULTAR AQUI.

MINHA HOSPEDAGEM:  Casa Alugada – R$ 1.200,00 / 4 noites para casal – R$ 300,00 / por noite em Paraty – Fiz Bate e Volta.

Saber mais sobre a hospedagem em Paraty e outras dicas leia -> Roteiro por Paraty – RJ

Como chegar na Praia do Sono e região?

Vamos lá…

  • Distância: Centro de Paraty – Estacionamento da Praia do Sono: 27 km.

Como chegar de Carro?

Só colocar no Waze: Praia do Sono e observar se esta indo para o sentido Trindade.

Você vai andar pela BR-101 por 15 km aproximadamente, até encontrar uma rotatória, e então virará à esquerda. Sigam as placas sentido Condomínio das Laranjeiras.

Você irá passar por esse enorme e luxuoso condomínio, passará primeiro por uma portaria e chegará na Vila Oratório. Lá, você irá procurar um local para estacionar, ou estacionará na rua mesmo, e terá que pagar uma taxa entre R$ 20,00 e R$ 30,00 (Não existe a opção de estacionar sem pagar, alguém irá aparecer para cobrar).

Estacionado o carro é hora de decidir – Como chegar até a Praia do Sono: por trilha ou por barco? Lembrando que você pode ir de uma das maneiras e voltar com a outra ou vice-versa.

Sobre a Trilha: A trilha é em meio à mata fechada e tem cerca de 3 km, o que leva em trono de 1h ou 1h30 dependendo do seu ritmo. A trilha é tida como moderada, pois tem algumas subidas e descidas. 

Sobre ir de barco: Para chegar até a praia de barco você deve pegar uma das vans do Condomínio Laranjeiras que ficam em um estacionamento bem em frente ao início da trilha que dá acesso a praia.

Praia do Sono e região

O condomínio é uma propriedade privada, portanto não pode ir a pé até o ponto de pegar o barco que fica lá dentro. Só conseguimos ir até lá com essas vans que são gratuitas. O trajeto é somente de 5 minutinhos.

Chegando no deck do Condomínio Laranjeiras é só pegar o próximo barco para a Praia do Sono. Há muitos barcos e o fluxo é intenso, você não fica muito tempo esperando.

  • Duração do trajeto: 10 a 15 minutos.
  • Valor: R$ 40 por trecho ou R$ 75 ida e volta (Valores de alta temporada)- não aceitavam cartão somente dinheiro em espécie. 
  • Horários de funcionamento: das 8h00 às 18h00 e de 8h00 até às 19h00 no verão.

Se preferir, você pode ao invés de ir direto para a Praia do Sono, combinar um preço com um barqueiro e fazer um tour em outras parais, como eu fiz e descrevo logo mais.

Poxa não tenho carro, como vou Quero Mochilar?

Em Paraty, você pode ir de ônibus: Pegue a linha Vila Oratório, número 1040. Você consegue se programar e fazer bate e volta de Paraty.

Quando ir a Praia do Sono e região?

O que você precisa saber:

Temporada: Além de tudo mais caro a praia fica lotada a qualidade dos serviços e restaurantes caem, faltando até produtos, portanto, vão preparados caso escolherem ir em alta temporada e em feriados. Dizem que as vezes a água chega até a acabar na vila.

Clima:

  • Período mais chuvoso (Novembro a Março): Se programe em conhecer a praia, se estiver em Paraty e for fazer um bate e volta, em um dia que as condições do tempo for boa. Se estiver chovendo, eu não ariscaria ir, por causa da trilha e barco.
  • Inverno (Junho até Setembro): Mês mais secos, porém frio. Dizem que a melhor época para se visitar a Praia do Sono é no inverno, porém eu não acho, pois costuma fazer um pouco de frio nesta região. Pode não chover e facilitar as trilhas como justificam, mas não será tão agradável para entrar na água.

Eu, acredito que a melhor época para conhecer esse paraíso para quem tem flexibilidade para programar sua viagem é ir na primavera ou outono, em meses como: setembro a novembro ou março a maio, quando você concilia baixa temporada com clima bom para praia em relação a temperatura e chuvas.

Praia do Sono e região

Segurança na Praia do Sono?

Para quem optar em ir pela trilha, são 3 km de caminhada, portanto um calçado adequado faz toda a diferença. Além de partes íngremes, você pode pegar trechos escorregadios e com lamas, por isso estar bem calçado é essencial.

Vocês conhecem as Botas Ecosafety? Não… Então eu te apresento.

Especialista em trekking e aventura, te garanto que você não encontra melhor custo benefício no mercado. Couro legítimo, com qualidade e estilo.

Saiba um pouco mais e conheça modelos: Aqui.

Em relação a sua segurança pessoal na trilha, se for feriado ela é bem movimentada e você pode encará-la tranquilamente, até sozinho, porém em outras épocas, aconselho perguntar aos moradores antes de encarar, ainda mais sozinho.

Conhece os benefícios de se fazer um seguro viagem para viagens nacionais?

Não só para viagens internacionais os seguros viagens são importantes. Além de cobrir imprevistos e acidentes, eles também cobrem: Bagagens extraviadas, danos, viagens canceladas entre outros.

Saiba vantagens do seguro viagem para viajar pelo Brasil – Aqui.

ROTEIRO PARA PRAIA DO SONO E REGIÃO

Como já descrevi como chegar até o Deck do Condomínio Laranjeiras, continuarei minha história daqui. 

Chegando no Deck, perguntei os preços e possibilidades e descobri que poderíamos conhecer até 4 praias se negociássemos com um barqueiro.

Praia do Sono e região

Dai pensei: ida e volta estava R$ 80,00, estávamos em um casal e já íamos pagar R$ 160,00, então decidimos pagar R$ 90,00 a mais e fazer logo um passeio completo de um dia todo.

Paguei neste tour um valor salgadinho (R$ 250,00), mas valeu, pois conheci bem a região em um curto espaço de tempo.

Praia do Sono e região

Sobre o Valor do Barco: O valor do barco é de R$ 40,00 o trecho, isso na época mais cara do ano (final de ano). O valor de ida e volta se você chorar um pouco, pode conseguir um descontinho. Uma dica é que na Praia do Sono há vários barqueiros, e você ir a pé por trilha e lá negociar sua volta, ou vice e versa, ir de barco e voltar por trilha caso a grana seja curta.

Sobre o meu tour

O trajeto de barco é super tranquilo e bem bonito. Leva entre 10 a 15 minutos se você for direto a Praia do Sono, porém como fomos para mais longe primeiro acabei não contando o tempo e me perdi curtindo a paisagem, incluindo vendo uma tartaruga na superfície.

E como funcionou em relação ao tempo em cada praia:

  • Ponta Negra + Antigos e Antiguinhos: Ficamos meia hora em cada.
  • Praia do Sono: Ficamos até quando tivemos vontade – O barqueiro não fica preso a você e você pode marcar o horário que quiser para voltar.

Dica: Vou falar uma combinação que pode-se fazer para ficar mais tempo na Praia de Antigos (a mais linda) e seria o que faria hoje, além do mais fazendo isso você ficará mais independente e mais à vontade. Então eu recomendo:

  • Ponta Negra: ½ hora.
  • Antiguinhos: Pede para descer aqui e combine um horário na Praia do Sono. Faça a trilha até Antigos (Apenas 150 m).
  • Antigos: Pede para te buscar em 2 ou três horas, ou ainda vai para a Praia do Sono a pé (1,3 km) e encontre o barqueiro em determinado horário por lá.

Será um pouco mais cansativo, mas você fará exercício físico, relaxará, ficará mais independente e desprendido ao tempo. Lembrando de ser educado e pontual quanto ao horário do ponto de encontro.

Para você se localizar, observe o mapa com os lugares que visitei nesse tour em AZUL, em VERDE as demais atrações que você pode conhecer e em LARANJA os pontos de chegada na praia: Estacionamento e Deck.

Mapa: Atrações da região.

1- Praia de Ponta Negra

Agora vou falar um pouco destas praias que conheci neste dia pra lá de especial.

Ponta negra também está localizada em um vila de pescadores e é também linda e de águas cristalinas. Para quem quer mais solidão do que a Praia do Sono, aqui é possível se hospedar, ou até mesmo acampar.

Em relação a infraestrutura, há dois bons restaurantes na Praia da Ponta Negra: o Restaurante do Teteco e Olhar Caiçara, ambos localizados na beira da praia.

Algumas curiosidades:

  • É possível chegar aqui por trilha desde a Praia do Sono, passando pela Praia de Antigos, Antiguinhos e Praia das Galhetas – Você andará 3,8 km em uma trilha de nível médio – desde a Praia do Sono.
  • Trilha Antigos com Antiguinhos e Galhetas – 2 km.
  • Trilha Ponta Negra – Cachoeira das Galhetas – 600 m.

Praia do Sono e região

  • É da praia Ponta Negra que você vai para a Cachoeira Saco Bravo ( cachoeira que cai nas pedras a beira mar – bem famosa em Paraty). São 4,2 km – Trilha considerada pesada.
  • Cachoeira das Galhetas está a 600 m.
  • Há trilha para mais duas praias que você pode acessar daqui: Cairuçu das Pedras (6,5 km) – e de Cairuçu você vai para San Martín andando mais 5,3 km – Recomendado fazer com algum monitor.

Tanta beleza e eu só fiquei meia hora em um lugar que merece um dia todo.

2- Antiguinhos

Em Antiguinhos nem chegamos a descer, passamos mais para ver do barco mesmo, olhamos, tiramos umas fotos e partimos para curtir a Praia dos Antigos. Antiguinhos é bem pequena e isolada.

É daqui que você pode caminhar até Antigos e depois para Praia do Sono. A caminhada é bem curta.

3- Praia de Antigos

A Praia de Antigos foi uma das praias mais lindas que já vi até hoje. A água é claríssima, o lugar é isolado e não há estrutura nenhuma, só areia e sombra – um charme! Se quiser ficar mais tempo aqui e curtir toda a beleza e sossego desse paraíso leve lanche e água. 

Quando chegamos mais perto tudo melhora…

O mar é de uma transparência sem igual e calmo – não dá vontade de parar de fotografá-lo.

Ficamos aqui um tempo, nadamos, tiramos fotos, admiramos todas as belezas e depois partimos para a Praia do Sono.

E a fauna está por todos os lados nessa transparência toda. Não levei snorquell e nem visor, que pena!! Não esqueçam.

Depois de curtir a praia, no caminho até a Praia do Sono, fomos contemplados por mais belas paisagens, tornando o passeio ainda mais especial.

Cachoeiras que desaguam no mar…

Esculturas geológicas e formações magníficas…

4- Praia do Sono

A Praia do Sono foi minha última parada neste dia, e depois da Praia de Antigos, ela nem ficou tão linda assim, e olha que é muuuuito linda… rs.

Esta praia fica em uma vila de pescadores e por ser bem estruturada e ter o acesso mais fácil possui uma estrutura bem melhor, com vários bares, restaurantes, hospedagens de todos os tipos e há muito movimento.

Praia do Sono e região

Aqui, escolhemos uma sombra para descansar e deixar as coisas para nadar um pouco e relaxamos do passeio.

Depois de relaxar, hora de comer frutos do mar…

Observação: Se for caminhando até o final da Praia do Sono você encontrará o Rio do Sono, e lá uma placa indicando o inicio da trilha para a Praia de Antigos (1,3 km). 

Agora que falei do meu passeio e impressões, vou falar um pouquinho de algumas informações para ajudar você a montar seu roteiro.

Quais as trilhas na Praia do Sono e região e suas distâncias?

Coloco aqui um mapa da região com a localização das praias que cito entre outras:

Segue em detalhes as distâncias e trilhas para facilitar sua leitura:

Agora vamos falar de uma dúvida que ajuda a todos…

Quantos dias ficar e qual roteiro ideal para Praia do Sono e região?

Para programar um bom roteiro, curtir praias e cachoeiras, e poder fazer tudo a pé de uma maneira mais econômica e aventureira, eu indicaria 4 dias por aqui da seguinte forma e sequência.

  • Dia 01: Praia da Ponta Negra + Cachoeira Galheta e Praia das Galhetas – Pernoite em Ponta Negra.
  • Dia 02: Cachoeira Saco Bravo (Trekking) – Pernoite em Ponta Negra.
  • Dia 03: Praia de Antigos e Antiguinhos – Pernoite Praia do Sono.
  • Dia 04: Praia do Sono + Poço Jacaré.

Praia do Sono e região

E DAÍ, QUANTO FICA A BRINCADEIRA??

  • Hospedagem em Paraty: R$ 1.200 / 4 dias – Casal.
  • Estacionar na rua para pegar a van: R$20,00
  • Lancha particular: R$ 250,00 – Cada trecho de barco de R$ 35,00 a R$ 40,00.
  • Praia do Sono: R$ 60,00 – porção camarão e lula.

LIÇÕES APRENDIDAS NA PRAIA DO SONO.

1- Aqui é um lugar para ficar alguns dias e não merece só um bate e volta.

2- Próximo daqui, em Paraty Mirím, você pode procurar conhecer o fiorde do Saco de Monguagua, que  é uma grande entrada de mar cercada por altas montanhas rochosas. Um dos únicos do Brasil.

3- Não vá de boné no barco apesar do sol… rs.

4- Não tem sinal de celular bom aqui.

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS.

  • Fuso Horário: Mesmo horário de Brasília.
  • Voltagem: 110V

A VIAGEM CONTINUA…

Gostou? Compartilhe! Tem alguma sugestão ou atualização de informações? Enriqueça a pesquisa de seus amigos nos comentários. Além de ajudar o próximo viajante é super importante a opinião de vocês para o blog.

VAMOS AJUDAR QUEM TE AJUDOU?

Vai viajar? Planeje toda sua viagem pelo Quero Mochilar!

O Quero Mochilar tem te ajudado com dicas e roteiros para o seu planejamento? Então que tal nos ajudar sem pagar nada a mais por isso, simplesmente fechando sua viagem com os serviços oferecidos pelas parceiras do Blog.

GARANTA AQUI

SEGURO VIAGEM – HOSPEDAGEM – ALUGUEL DE CARRO – TOURS – PASSAGENS AÉREAS – RESERVAS – CHIP DE CELULAR

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Language »